Relicário

MESSAGE     ARCHIVE    RSS     THEME    About me   
"Das vontades que tenho a que mais me perturba é essa de me entender. (...) Sou tão frágil quanto aparento forte ser. Sou alegria e pesar, sou ferida e remédio. E talvez, oras, quem pode me dizer? Talvez entender seja exatamente deixar de entender." Andreza, 18.